Site de A a Z ///
Siga-nos:
 

▶ Divulgação ///

<< Voltar ///

21/04/2017 às 08h00 > atualizado em 20/04/2017 às 15h30

Deputados votam na segunda-feira (24) projeto que cria a Política Estadual de Prevenção ao Câncer Bucal

Por Nádia Fontana


Começa a ser votado na sessão plenária de segunda-feira (24), na Assembleia Legislativa do Paraná, o projeto de lei nº 411/2016, que institui a Política Estadual de Prevenção ao Câncer Bucal. De autoria dos deputados Alexandre Guimarães e Chico Brasileiro, ambos do PSD, a proposta visa informar e orientar a população sobre os principais sintomas dessa doença, além de incentivar hábitos saudáveis.

Segundo o deputado Alexandre Guimarães, que assim como o colega Chico Brasileiro também é cirurgião dentista, a melhor forma de evitar o câncer bucal é pela prática de hábitos saudáveis. “Saúde bucal também faz parte da saúde pública. Tenho lutado há muito tempo por isso, tenho um compromisso com essa área, tanto em trazer qualidade, como em ser representante dessa grande categoria de profissionais”, afirmou o parlamentar, durante debates sobre o tema na Assembleia. Na justificativa da proposta, os autores destacam que esse tipo de câncer pode ser evitado com cuidados simples, e que se for detectado precocemente, é perfeitamente curável.

Turismo – Incentivar o turismo estadual com a divulgação de festividades regionais, datas importantes e roteiros de passeios. Esses são objetivos dos demais projetos que serão debatidos e votados pelos deputados na sessão de segunda-feira (24). Em primeiro turno está o projeto de nº 387/2016, do deputado Tercílio Turini (PPS), inserindo no calendário oficial de eventos do estado do Paraná a Festa do Milho. Ela é realizada anualmente no começo do mês de fevereiro no Distrito de Paiquerê, no município de Londrina.

Por outro lado, em redação final (última etapa de votações em Plenário), serão votados três projetos: de nº 103/2016, do deputado Claudio Palozi (PSC), que insere no roteiro turístico oficial do Paraná o “Arquipélago Fluvial de Ilha Grande”, localizado no Parque Nacional de Ilha Grande, na Bacia do Rio Paraná, divisa dos estados do Paraná e Mato Grosso do Sul; de nº 168/2016, do deputado Pastor Edson Praczyk (PRB), inserindo no Calendário Oficial de Eventos do Paraná o “Dia do Profissional de Contabilidade”, a ser comemorado anualmente no dia 25 de abril; e o de nº 332/2016, do deputado Felipe Francischini (SD), que propõe a instituição do “Dia Estadual do Fandango”, a ser comemorado anualmente no dia 29 de novembro, e da “Semana Estadual de Fomento ao Fandango”, que deve ser celebrada sempre na última semana de novembro.

Advogada – Em segunda discussão estão outras três proposições: de nº 319/2016, da deputada Cantora Mara Lima (PSDB), que cria o “Dia da Mulher Advogada” no estado, a ser comemorado no dia 20 de agosto; de nº 279/2016, do deputado Evandro Júnior (PSDB), que institui o “Dia Estadual do Condutor de Veículos de Transporte Escolar”, a ser comemorado anualmente no dia 17 de julho; e de nº 285/2016, de autoria dos deputados Nelson Justos (DEM) e Claudia Pereira (PSC), que institui a “Região Turística Rotas do Litoral do Paraná”. Segundo o texto, integram a região os municípios de Antonina, Guaraqueçaba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná. A proposta também prevê a inclusão da rota no Roteiro Turístico Oficial do Estado do Paraná.

 



Notícias mais lidas

Destaques