Site de A a Z ///
Siga-nos:
 

▶ Divulgação ///

<< Voltar ///

13/11/2017 - 16h31

Exercício da profissão de optometrista no Paraná é tema de debate

Por Kharina Guimarães

 ((Descrição do áudio))

O exercício profissional da optometria no Paraná foi discutido durante audiência pública realizada nesta segunda-feira (13) na Assembleia Legislativa do Paraná. O debate foi proposto pelo deputado Missionário Ricardo Arruda (PEN) que apresentou um projeto de lei para regulamentar o funcionamento de clínicas e consultórios de optometria no estado.

O optometrista é um profissional da área da saúde responsável pela avaliação primária da saúde ocular e por investigar anomalias visuais. O profissional está capacitado para identificar, corrigir e prescrever soluções óticas, como óculos e lentes de contato, para compensar alterações visuais, como miopia e astigmatismo. Já os casos de doenças oculares ou que causem danos aos olhos devem ser encaminhados para o médico oftalmologista.

Segundo o deputado Missionário Ricardo Arruda, a proposta em debate no Legislativo vai proporcionar o reconhecimento a uma profissão comum em outros países, mas pouco conhecida no Brasil.

Sonora

A estimativa do Conselho Brasileiro de Óptica e Optometria é de que nove mil profissionais estão capacitados para exercer a profissão em todo o país. Para o presidente do Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná, Gustavo Tramontin, a popularização do serviço de optometria poderá resultar em um atendimento mais ágil a população.

Sonora

O médico oftalmologista, Pedro Silveira Gonçalves Filho, ressaltou que a atividade de optometrista e de oftalmologista são complementares no atendimento integral da saúde dos pacientes.

Sonora

O projeto de lei que prevê a regulamentação do funcionamento das clínicas e consultórios de optometria no Paraná foi encaminhado para avaliação da Comissão de Constituição e Justiça.

Da Assembleia Legislativa do Paraná, repórter Kharina Guimarães.

Notícias mais lidas

Destaques