Site de A a Z ///
Siga-nos:
 

▶ Divulgação ///

<< Voltar ///

03/01/2018 - 14h00

Assembleia Legislativa reforça ações focadas na formação dos jovens

Por Kharina Guimarães

((Descrição do áudio))

Um jovem cada vez mais preparado para os desafios do futuro e consciente do seu papel na sociedade. É com o objetivo de colaborar com a formação cidadã desses estudantes que a Assembleia Legislativa do Paraná tem apostado em projetos educacionais. Com o “Geração Atitude” eles aprendem tudo sobre cidadania, voto consciente, democracia e os Poderes Constituídos. Já o “Assembleia no Enem” oportuniza um reforço dos conteúdos para aqueles alunos que buscam a tão sonhada vaga no Ensino Superior.

Segundo o presidente do Legislativo paranaense, deputado Ademar Traiano (PSDB), é um orgulho poder concretizar o sonho de contribuir com a formação dos jovens por meio de iniciativas que também valorizam a Casa de Leis.

Sonora

Em dia de aulão do “Assembleia no Enem” os  estudantes lotam o Plenário do Legislativo, que é transformado em uma grande sala de aula. Os debates sobre projetos de lei e as políticas públicas do Estado são temporariamente substituídos pelo português, pela matemática e por todas as outras disciplinas que são cobradas na prova que garante o acesso as principais universidades do país.

Para o professor Marlus Geronasso, coordenador do Grupo Eureka, a iniciativa da Assembleia Legislativa do Paraná de abrir as portas para os estudantes e tratar a educação como prioridade deve servir de exemplo para todos os legislativos estaduais.

Sonora

No “Geração Atitude” os estudantes do Ensino Médio são despertados para a importância da participação na vida política, seja na escola, na cidade ou, até mesmo, no estado. Com a ajuda do “Guia do Cidadão” e a participação de juízes, promotores, prefeitos e outras autoridades, os professores incluem nas discussões em sala de aula temas como cidadania, democracia e o funcionamento dos poderes. Os alunos também tem a oportunidade de elaborar um projeto de lei.

Na edição 2017, o melhor projeto de lei foi desenvolvido pelo estudante Douglas Froelich, do 3º ano do Ensino Médio do Colégio Estadual do Campo Helena Kolody, da cidade de Cruz Machado. A proposta prevê ações de combate ao bullying.

Para o promotor de Justiça, Eduardo Cambi, coordenador do “Geração Atitude” no Ministério Público do Paraná, o programa oferece aos jovens a base necessária para adotarem uma postura proativa e construírem uma nova realidade na comunidade onde vivem.

Sonora

O programa é uma parceria da Assembleia Legislativa, Ministério Público, Governo do Estado e Tribunal de Justiça.

Da Assembleia Legislativa do Paraná, repórter Kharina Guimarães.

Notícias mais lidas

Destaques