Site de A a Z ///
Siga-nos:
 

▶ Divulgação ///

<< Voltar ///

04/10/2018 às 10h06

Estudante de Mamborê quer estender programa de resistência às drogas a alunos do Ensino Médio

Por Trajano Budola

A aluna Érica de Oliveira Machado, que cursa o 1º ano do Ensino Médio no Colégio Estadual João XXIII, em Mamborê, tem saudade do que aprendeu no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência, o PROERD. O conteúdo passado aos estudantes pela Polícia Militar do Paraná foi muito útil para ela e seus colegas no Ensino Fundamental, um alerta contra o uso de substâncias ilegais e do álcool, assim como prevenção à violência e à criminalidade.

Por conta disso, Érica inscreveu um projeto de lei no Geração Atitude 2018, iniciativa da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), para que o PROERD seja estendido também ao Ensino Médio. “Os adolescentes têm consumido álcool e drogas cada vez mais cedo. É um problema social e de saúde pública”, justifica a estudante. A proposta dela foi uma das 32 selecionadas entre 500 projetos enviados para a avaliação da coordenação do Geração Atitude e concorre, em novembro, na escolha do projeto mais completo e melhor elaborado.

Érica tem a chance inclusive de, sendo a ganhadora, ver sua ideia adotada por um dos 54 deputados da Alep, que podem fazer com que o projeto tramite da Casa e se torne lei no Paraná. Animada, a aluna já recebeu elogios pela participação. “Gosto de exercer minha cidadania e me envolver em causas sociais. Minha proposta foi divulgada no site oficial de meu município e fui cumprimentada pelo prefeito e pela primeira-dama”, conta. Aos 15 anos, ela sonha cursar Direito e prosseguir nos debates políticos e de cidadania, oportunidade que agora lhe é dada pelo Geração Atitude.

Geração Atitude – O Geração Atitude é um grande programa desenvolvido pela Assembleia Legislativa do Paraná em parceria com o Ministério Público estadual, com apoio da Secretaria de Estado da Educação, do Tribunal de Justiça e da Assessoria Especial da Juventude do Governo do Estado. Ele visa essencialmente promover a participação social e despertar o interesse dos jovens por temas como cidadania, democracia, política, eleições, voto consciente e o papel das instituições.

Ações específicas, como o Geração na Escola, envolvem um conjunto de atividades voltadas à formação cidadã, apoiadas em planos de aula relativos ao exercício da cidadania, que são definidos em linguagem simples e direta através do Guia do Cidadão, cartilha de 68 páginas discorrendo sobre democracia, política, eleições, direito ao voto, entre vários outros temas. A cartilha pode ser acessada por qualquer interessado pelos sites da Assembleia Legislativa e do Ministério Público estadual.



Notícias mais lidas

Destaques